Informações(011)2176.7700
Tempo de atendimento Pronto-Socorro
37min
Resultado de Exames Pré-agendamento de consultas e exames
https://www.hsi.org.br/assessoria-imprensa/hospital-santa-isabel-promove-palestra-gratuita-sobre-cancer-da-mama/

Hospital Santa Isabel promove palestra gratuita sobre câncer da mama

Hospital da Santa Casa de São Paulo terá palestra aberta à população para conscientizar sobre os riscos, tratamentos e a prevenção ao câncer da mama

Uma das doenças mais temidas nos tempos atuais e que nos estágios mais agressivos deixa seu portador bastante debilitado (ou até levar a morte), o câncer é um desafio a ser enfrentado no século 21. Médicos e pesquisadores se debruçam em busca de uma cura e tratamentos cada vez mais eficazes e métodos menos invasivos.

O câncer da mama é um dos tipos da doença e inúmeras mulheres ainda têm algum receio na hora de consultar um especialista ou realizar o exame de mamografia. Pensando nisso, o Hospital Santa Isabel (HSI), por meio de seu Núcleo de Atenção Domiciliar e Desospitalização, promoverá palestra gratuita sobre o câncer da mama no dia 24 de março (mês da mulher), às 9h, no auditório da Unidade Jaguaribe.

É uma excelente oportunidade para as mulheres poderem tirar suas dúvidas e desmistificar informações que circulam no universo popular com a intenção de prevenir a doença, como não usar sutiã apertado ou não utilizar desodorante antitranspirante. A mastologista do Hospital Santa Isabel, Dra. Maria Marta Martins, estará disponível para tirar as dúvidas das mulheres que estarão no evento e explicará sobre os métodos preventivos, tipos de tratamentos, as últimas novidades para o combate da doença e a importância de não deixar o tumor chegar a estágios que podem levar a paciente a morte.

“O câncer da mama é o mais comum após o câncer da pele, e é o que mais mata mulher ainda nos dias atuais. O câncer da mama avançado pode enviar metástases para outros órgãos do corpo causando muito sofrimento, prejuízo econômico, e o pior, a morte”, destaca a médica.

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), publicados em dezembro de 2013, entre 2008 e 2012 os casos de câncer da mama tiveram um aumento de 14% e foi a maior responsável pelo aumento do número de mortes de todos os tipos de câncer nos quatro anos pesquisados, levando a óbito mais de 522 mil mulheres, um aumento de 8,2 milhões de óbitos anuais em relação ao último período pesquisado.

O Instituto Nacional do Câncer (Inca) divulgou também uma estimativa de que em 2014 o Brasil terá mais de 576 mil novos diagnósticos de câncer, sendo 57 mil da mama, ou seja, cerca de 20% do número total. Segundo o Ministério da Saúde, o câncer é atualmente a segunda maior causa de morte natural no Brasil e no mundo, atrás apenas das doenças cardiovasculares.

Câncer da mama em homens

O câncer da mama também pode aparecer em homem, mas em número menor: “Apenas 1% dos casos são em homens e, quando diagnosticado no sexo masculino, as mulheres da família do portador também devem ser examinadas, pois provavelmente a causa é genética”, explica a Dra. Maria Marta.

“Não vou dizer que o câncer da mama no homem é mais agressivo, é igual, porém, como não é comum, quando o homem chega e é diagnosticado com a doença muitas vezes já é tarde e o tratamento é apenas paliativo, o que reforça que os homens também precisam procurar seus médicos e fazer check up’s regularmente, e não ter preconceito de pensar que é ‘doença de mulher’, porque se diagnosticado cedo, assim como no sexo feminino, o tratamento é bem mais simples”, completa a médica.

Ainda de acordo com a mastologista, existem atualmente muitos estudos que tratam sobre o metabolismo de pacientes com diagnóstico de câncer no que diz respeito a gorduras e carboidratos. É recomendado que haja uma baixa ingestão desses nutrientes não só para a parte cardíaca, mas também em casos de câncer, pois o tecido adiposo produz várias substâncias que fazem processos inflamatórios, aumentam a vascularização no tecido gorduroso e propiciam o crescimento dos tumores.

“É preciso ter esclarecimento para que o paciente não encare a doença com medo, ou tente ‘fugir dela’ pensando que o sofrimento será menor se não buscar tratamento, ao contrário, é importantíssimo encarar de frente, entender e procurar ajuda”, finalizou a Dra. Maria Marta.

Evento
Palestra sobre o câncer da mama
Data: 24/03/2014
Horário: 9h
Endereço: Rua Jaguaribe, 144 – Auditório

Serviço
Assessoria de Imprensa do Hospital Santa Isabel
Daniel Abreu / Felipe César
(11) 2176-7000 – Ramal 8541 / 1731

Fonte: Assessoria de Imprensa

Hospital Santa Isabel

Rua Dona Veridiana, 311 - Higienópolis - São Paulo/SP

(11) 2176.7700

Centro Médico e de Medicina Diagnóstica

Rua Dona Veridiana, 311 - Higienópolis - São Paulo/SP

(11) 2176.7135